ETAR de São Teotónio

A obra teve um apoio comunitário de 85%, através do Programa Operacional Sustentabilidade e Eficiência no Uso de Recursos (POSEUR), e vai permitir tratar as águas residuais provenientes de toda a população de São Teotónio, de cerca de 2100 habitantes.

Fonte da Câmara Municipal de Odemira explicou à Rádio Sines que "o novo equipamento dispõe ainda de um sistema de recepção e pré-tratamento de lamas provenientes de fossas e outras ETARs da região", acabando por "complementar" um outro investimento da AgdA em São Teotónio, no valor de 162.124 euros, "que permitiu desactivar duas fossas sépticas e construir um sistema interceptor para encaminhar todos os esgotos para a ETAR".


Comente esta notícia


SINES