Recorde-se que as buscas tiveram início ontem, imediatamente após a comunicação do estabelecimento prisional, sendo que decorreram até às 10 horas do dia de hoje, culminando com a captura do indivíduo que estava escondido perto da localidade de Ferrarias, concelho de Grândola.

Segundo fonte da GNR, o suspeito cumpria pena de prisão de seis anos, por furto qualificado, e já teria cumprido quatro, no referido estabelecimento prisional, para onde, entretanto regressou.

As Operações de Busca da GNR contaram com o reforço do Grupo de Intervenção Cinotécnico (GIC) e de meios humanos e tecnológicos da Unidade de Emergência Proteção e Socorro (UEPS).

O Estabelecimento Prisional de Pinheiro da Cruz foi criado em 1951 e conta com cerca de 600 detidos, cerca de 100 em regime aberto e 500 em regime fechado.


Comente esta notícia


SINES