Viatura da GNR

Segundo fonte da GNR, as buscas foram iniciadas na noite de sexta-feira, cerca das 21 horas, depois de o marido ter pedido o apoio das autoridades e afirmando que “a sua mulher havia saído de casa às 04H30 desse mesmo dia, apresentando um comportamento um pouco descontrolado, chegando mesmo a referir que queria pôr termo à vida”

Os militares percorreram uma vasta área de mato envolvente à residência e localidades limítrofes e com recurso à localização da sua última ligação por telemóvel, foi possível definir um perímetro de busca e encontrar a desaparecida, já na madrugada de domingo, dia 22 de dezembro.

“A mulher foi encontrada junto a uma zona de eucaliptal, dentro da viatura e a cerca de quatro quilómetros da sua habitação, num local de difícil acesso. Apesar da sua desorientação, encontrava-se bem de saúde” acrescentou a GNR.


Comente esta notícia


SINES